Estudos do Cotidiano da Educação Popular (ECEP)

Professores da linha

 

Carmen Lucia Vidal Pérez, José Valter Pereira, Maria Teresa Esteban do Valle, Margareth Martins de Araújo, Mary Rangel, Nívea Maria de Silva Andrade e Tânia Mara Pedroso Müller.


Ementa

 

Os estudos do Cotidiano têm como centralidade os fenômenos, enigmas e revelações da vida cotidiana dos sujeitos, da sociedade e de suas instituições. Entendendo o cotidiano como cruzamento de múltiplas dialéticas entre o "rotineiro" e o "acontecimento" e considerando sua multiplicidade e fluidez, demarcarmos a educação popular como lócus privilegiado, reafirmando nosso compromisso com os setores historicamente excluídos do processo educacional e social. O que interessa aos Estudos do Cotidiano são os processos através dos quais as micro e as macroestruturas são produzidas e as práticas sociais produtoras da realidade social na sua cotidianidade. Assim, o projeto de escola pública para as classes populares; a formação de professores sob a ótica da educação popular; as lógicas operatórias das classes populares no enfrentamento das desigualdades, bem como suas astúcias e usanças;a cultura, a memória popular, a história recente (e cotidiana) dos movimentos populares; os processos de organização popular e de gestão democrática em sua cotidianidade, assim comoa sexualidade, diferenças e preconceitos na escolaconfiguram os eixos temáticos que articulam nossas pesquisas e nossa produção teórica.

ap-feuff